24/6/2016 15:56:44 -  A importância da Sociedade Brasileira de Patologia para a especialidade

Nas últimas quatro semanas, fizemos um apanhado da história da Patologia, partindo de sua origem, que se mescla à da própria medicina, até os grandes profissionais que ajudaram em seu avanço e as técnicas que revolucionaram a especialidade. Agora, para encerrar nossa série especial, vamos falar sobre a história da Patologia no Brasil, representada pela trajetória da própria Sociedade Brasileira de Patologia (SBP).

Fundada no dia 5 de agosto de 1954 (instituído como Dia do Patologista até hoje), em uma época em que a especialidade ainda era pouco conhecida até mesmo por outros médicos, a então “Sociedade Brasileira de Patologistas” surgiu durante o Seminário Brasileiro de Anatomia Patológica, na sala de Reunião da Associação Médica do Paraná, em Curitiba (PR). Esse embrião foi constituído pelos professores Amadeu Fialho, Luigi Bogliolo, Moacyr de Freitas Amorim, Paulo de Queiroz Telles Tibiriçá e Atys Quadros da Silva.

Durante muitos anos a SBP teve como sede oficial uma caixa de sapatos, que abrigava todos os documentos da sociedade. Essa realidade mudou após a primeira sede física, ainda no departamento de patologia da Universidade Federal do Paraná (UFPR). A primeira mudança ocorreu em 16 de maio de 1992, quando a Sociedade foi transferida para São Paulo, conquistando sua sede própria em 1998.

Nesta primeira gestão, a principal preocupação era a de encontrar meios para divulgar a sociedade e atrair associados, uma vez que os primeiros diretores não contavam com internet ou outros meios de comunicação que temos nos dias atuais. A solução encontrada foi a realização de congressos nacionais e conferências, possibilitando aos patologistas que participavam desses eventos se associarem.

Esse crescimento no quadro de patologistas já era fundamental para a manutenção da SBP, uma vez que a cobrança das anuidades somente ocorria de dois em dois anos, durante os congressos.  A primeira anuidade da SBP foi estipulada em Cr$ 300.

Com o passar dos anos, a Sociedade enfrentou mudanças gradativas, como a criação de um grupo de colaboradores fixos para o atendimento dos associados. Também foram implementadas estratégias para o fortalecimento dos laços entre os patologistas e a instituição, como o investindo em cursos, parcerias com grandes instituições, representação junto a outras sociedades de Patologia do exterior, eventos e congressos.

Para consolidar esse plano de ação, foram definidas missão, visão e valores da SBP em 2010, favorecendo que as próximas gestões pudessem seguir sempre aprofundando as conquistas já alcançadas.

Atualmente, a SBP conta com aproximadamente 1,5 mil associados e já teve 29 presidentes em toda a sua história, incluindo o Dr. Clovis Klock, à frente da instituição atualmente.

Um degrau de cada vez, a SBP chegou aos 62 anos de existência, uma história de luta pelo reconhecimento da especialidade e sua divulgação, colaborando a cada dia pela conquista de um nível de excelência na prática da especialidade que perdura até hoje.


Sociedade Brasileira de Patologia
Rua Topázio, 980 - Vila Mariana
São Paulo – SP
CEP: 04105-063
Fone: (11) 5080-5298